quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

As 7 Leis Espirituais da Oração



O Senhor não nos 
ouve aleatoriamente.

Na natureza, tudo funciona
de acordo com
as leis estabelecidas
pelo Criador.

Portanto,
temos as 7 cores do arco-iris,
e as 7 notas musicais.

Ocorre o mesmo
no plano espiritual:

Deus age
de acordo com
Suas próprias leis.

Assim,
muitas vezes
nos desanimamos e
acreditamos
que a oração é inútil,
quando achamos que
nossos pedidos não são
respondidos.

No entanto,
o real motivo,
pode ser por
não termos cumprido
as leis de Deus
para oração,
que são condições
para que Ele
nos responda.

Ou, porque,
seu "silêncio",
é a resposta
que estamos
necessitando,
nesse momento.

Vamos agora,
estudar
as 7 Leis Espirituais
da Oração,
para rezarmos
de forma mais eficaz,
e assim, termos
 plena convicção
de que a concessão
da graça pedida,
ou seu silêncio,
é, verdadeiramente,
a resposta de Deus

a nossa oração.

Primeira Lei

A Lei do Coração Puro

"Bem-aventurados
os limpos de coração,
porque eles verão a Deus:"
Mateus 5:8

A primeira condição
para orarmos com
eficiência,
é termos um coração puro.

É inútil rezarmos
estando com
pecado na
conciência, que ainda
não tenhamos
nos arrependido.

Arrependimento e limpeza
das nossas falhas humanas,
são essenciais
para nossa
comunhão com Deus,
e para que Ele ouça
e atenda

a nossa prece.

Segunda Lei

A Lei do Perdão

"E, quando estiverdes
orando, perdoai,
se tendes alguma
coisa contra alguém,
para que vosso Pai,
que está nos céus,
vos perdoe as vossas
ofensas".
Marcos 11:25

Se não formos
capazes de perdoar,
nossa oração
não será aceitável
para Deus.

Um espírito de tolerância
é essencial
para realizarmos
uma oração
ao Senhor,
e sermos merecedores
da sua ação

em nosso favor.

Terceira Lei

A Lei do Justo Motivo

"Pedis, e não recebeis,
porque pedis mal,
para o gastardes
em vossos deleites".
Tiago 4:3

Podemos orar a Deus
por qualquer motivo.

Mas, uma vez que o motivo
for para o próprio prazer,
Esta oração não será
atendida.

Para que a minha oração
seja vencedora,
que me garanta uma
resposta,
ela não pode
ter sido inspirada
pelo desejo de egoísmo,
prazer,
ou sucesso material,
sem benefícios
para o próximo.

Um justo motivo é essencial
para se receber
uma resposta para
nossa oração,
portanto, devemos pedir,
o que for para o nosso bem,
para o bem de nossos irmãos,

e para a Glória do Senhor.

Quarta Lei

A Lei da Fé

"Peça, porém, com fé,
em nada duvidando;
porque o que duvida
é semelhante
à onda do mar,
que é levada pelo vento,
e lançada de uma,
para outra parte".
Tiago 1:6

Em diversas partes
do Evangelho,
o Senhor nos orienta
a ter fé!

Devemos rezar com fé,
e afastar toda dúvida
de nosso coração.

Pois, assim,
como crianças seguras
e confiantes,
o Senhor proverá
as graças
que necessitarmos,
muitas vezes,
até mesmo,
antes de que tenhamos
ideia de que elas

estejam vindo!

Quinta Lei

Lei da vontade de Deus

"E esta é a confiança
que temos nele,
que, se pedirmos
alguma coisa,
segundo a Sua vontade,
ele nos ouve".
1 João 5:14

Precisamos conhecer
a vontade de Deus,
e temos que rezar
de acordo
com essa vontade.

Podemos descobrir
a vontade de Deus
nos mandamentos
do Antigo Testamento,
e também,
no novo mandamento
que Jesus nos ensinou,
de Amar a Deus
sobre todas as coisas
e ao próximo
como a nós mesmos.

Se minha oração
for boa para mim
e para o meu próximo,
ela é da vontade de Deus,

e será ouvida e atendida.

Sexta Lei

Rezando no Nome de Jesus

"E tudo quanto pedirdes
em meu nome
eu o farei,
para que o Pai
seja glorificado no Filho".
João 14:13

O que Jesus nos ensinou,
é que ao pedir
em Seu Nome,
devemos pedir aquilo
que é aprovado por Deus,
ou seja,
aquilo que nos trará
benefícios espirituais
e materiais que nos
auxíliem em nosso
crescimento,
ou no crescimento
de quem recebe

a nossa oração.

Sétima Lei

Rezando ao Espírito Santo

"Mas vós, amados,
edificando-vos
a vós mesmos
sobre a vossa
santíssima fé,
orando no Espírito Santo".
Judas 1:20

O Espírito Santo,
é a terceira pessoa
da Santíssima Trindade,
e manifesta
a vontade de Deus,
ao qual é uno,
juntamente com Jesus,
nos diversos planos,
em que as orações
são atendidas.

Assim, ele responde
nossas orações,
manifestando a vontade
de Deus na Terra.
como concebeu a Maria,

sem o pecado da carne!

Como seres humanos,
ainda imperfeitos,
não conseguiremos
ser capazes
de seguir
totalmente essas Leis.

No entanto,
a cada dia,
devemos orar e vigiar,
e, aos poucos,
iremos alcançando
o patamar espiritual
que o Senhor
deseja para toda
a humanidade,
e orando com
mais eficácia
e eficiência.

Vamos começar,
rezando a Oração
que Jesus nos
ensinou:

Pai nosso que estais no Céu,

Santificado seja o Vosso nome.

Venha a nós, o Vosso Reino.

Seja feita a Vossa vontade,

Assim na Terra como no Céu.

O pão nosso de cada dia

nos dai hoje.

Perdoai as nossas ofensas,

Assim como nós perdoamos

a quem nos tem ofendido.

E não nos deixeis cair

em tentação,

Mas livrai-nos do mal.

Amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sejam bem vindos!

Clique aqui para as orações em ordem alfabética "Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua a...